AeroPlanos

Aero

Aero

S.O.S. / Web

Introdução:

Nós, os humanos, para nos entendermos usamos uma linguagem: Oral, Escrita, Gestual...

Introdução:  


HTML

DHTML

CSS

XHTML

XML

XSL

DTD

JavaScript

DOM

Ferramentas

Fim!

Os computadores, tal como nós, utilizam também diversas linguagens: HTML, JavaScript, XML...

Para nos entendermos, necessitamos de saber Português, Inglês... e, para falarmos através da Internet ser-nos-á util aprender a(s) linguagens aqui utilizadas.

Para nos expressarmos, juntamos letras originando palavras, que por sua vez originam frases, ideias, conceitos, segundo determinadas regras linguísticas.

As linguagens que os computadores utilizam obedecem também a regras semelhantes. Utilizam igualmente símbolos, números, letras e outros caracteres, que combinados permitem criar valores e funções, códigos e expressões, comandos e programas.

Como também estas linguagens foram criadas por humanos, estes socorreram-se da sua própria língua, neste caso o inglês.

S.O.S. destina-se obviamente a Portugueses.

5
6

HTML

HyperText Markup Language

Um   ficheiro.html   é um documento de texto simples contendo pequenas marcas (markup tags), onde se especificam determinadas instruções.

Essas instruções (markup tags) informam o "browser" (Internet Explorer, Netscape Navigator, Opera, etc.) de qual a apresentação a dar ao documento.

A primeira regra desta linguagem é o significado de < >.

Estes símbolos significam que o seu conteúdo é uma instrução.

Exemplo:
        <p>Isto é um parágrafo.</p>

Ao assinalar-se o início de uma instrução (<p>), deve-se assinalar também onde se situa o fim dessa instrução (</p>).

Os elementos principais de uma página em HTML são:

<title>O Título</title>
• <h1>O cabeçalho de maior importância (header1)</h1>
• <h2>Outros capítulos ou...</h2>
• <h3>...sub-capítulos</h3>
• <p>Parágrafos</p>
• <a href="http://www.w3.org/">Links</a>
• <img src=" " alt="Imagens">

HTML não é um programa, mas uma linguagem. Para interpretar essa linguagem exitem programas vários. Esses programas são apelidados de "browser". Este nome faz-nos recuar no tempo, em que os documentos eram lidos desenrolando um papiro! A ideia é um documento HTML ser uma página que vai sendo desenrolada á medida que é lida, como se faz hoje ao desfolhar um livro.

O "browser", quer seja da "Microsoft" ou da "Sun Systems", deverá respeitar as regras da linguagem utilizada. Essas regras, de carácter universal, são estabelecidas pelo World Wide Web Consortium (W3C), cuja missão é criar Web standards.

O objectivo é possibilitar que a informação seja acedida universalmente, por forma a que os nossos computadores a interpretem e a partilhem de forma simples e eficaz.

···4 S.O.S. HTML

 

5
6

DHTML

"Dinamic" é o significado do "D" que antecede a sigla HTML.
Não é uma nova linguagem, mas sim a designação adoptada, quando se junta ao próprio HTML, CSS e JavaScript, tornando as páginas "dinâmicas"!

Na elaboração de uma página é necessária uma esquematização do seu conteúdo, um design e uma "navegação" simples e facil.

O design, a disposição dos vários elementos na página, controlar cores, etc. é conseguido por intermédio de CSS.

Para possibilitar a alteração pelo utilizador de alguns elementos, como a cor ou mesmo dados, ou ainda para criar menus mais sofisticados, JavaScript é a linguagem de programação mais acessível.

···4 S.O.S. Tips

 

5
6

CSS

Cascadind Style Sheet é um mecanismo criado especificamente para Web designers e utilizadores.

As "folhas de estilo" contém as instruções que controlam a apresentação de documentos no monitor, impressora ou outros dispositivos, em especial o seu aspecto gráfico.

É o auxiliar ideal do "designer" de documentos HTML e XML.

···4 S.O.S. CSS

 

5
6

XHTML

EXtensible HyperText Markup Language é o sucessor de HTML.

É uma extensão de HTML projectada para o futuro.

Hoje em dia, com o desenvolvimento de novas tecnologias de comunicação, por forma a se poderem interligar computadores, telefones móveis e outros dispositivos, os documentos, a informação, os dados necessitam de estar bem formatados.

A família de documentos XHTML tem por base a tipologia XML.

Enquanto que HTML foi concebido para apresentar dados, XML foi criado para os descrever.

XHTML é uma família dos actuais e futuros tipos de documentos da Web, reformulados em XML.

···4 S.O.S. XHTML

 

5
6

XML

EXtensible Markup Language

Esta linguagem foi criada para descrever e caracterizar dados. Enquanto HTML controla o aspecto de um elemento, XML caracteriza-o.

Não é uma alternativa a HTML, mas um seu complemento.

XML é um formato de texto, flexivel e simples, concebido originalmente para apresentar grandes publicações electrónicas. Tem desempenhado um papel cada vez mais importante na manipulação e transmissão de dados na Web e noutros ambientes, como por exemplo, nos telemóveis.

···4 S.O.S. XML

 

5
6

XSL

EXtensible Stylesheet Language

Com a criação de XML, verificou-se que para controlar o design desta nova extensão de liguagem, CSS não era suficiente. Criou-se pois uma nova "style sheet", apelidada eXtensible Stylesheet Language, que desempenhasse cabalmente o objectivo pretendido.

A semelhança entre estas duas "folhas de estilo", CSS e XSL, está em que ambas podem ser usadas em documentos XML.

No entanto CSS não transforma documentos. Esse possibilidade está reservada a XSL.

Por outro lado, XSL não pode ser utilizada em HTML, apenas em XML.

Cada uma destas linguagens tem sintaxe própria.

Desta forma estas duas linguagens completam-se uma à outra e podem ser utilizadas simultaneamente.

A utilidade de XSL é perceptível, quando, por exemplo, é necessário o reordenamento dos dados antes de serem exibidos.

···4 S.O.S. XSL

 

5
6

DTD

Document Type Definition tem como objectivo a definição de blocos de um documento XML de forma bem estruturada. Define a estrutura de documentos com uma lista dos seus elementos.

Utilizando DTD, pode-se incluir nos ficheiros XML, uma descrição do seu próprio formato.

Utilizando DTD, possibila-se que vários grupos de pessoas utilizem as mesmas definições tipo dos documentos, no intercâmbio de dados.

DTD pode ser usado para verificar se os dados recebidos são válidos, bem como fazer a validação dos nossos próprios dados.

···4 S.O.S. DTD

 

5
6

JavaScript

JavaScript é a forma de dotar HTML de uma linguagem de programação.

Como JavaScript está embebida nos "Web Browsers", para que um Script seja executado, não necessita de qualquer outro programa suplementar.

Ao contrário de outras linguagens de programação, JavaScript não necessita de ser compilado previamente. Desta forma, pode-se inserir um programa directamente em páginas da internet utilizando-se apenas um editor de texto simples.

···4 S.O.S. JavaScript

 

5
6

DOM

Document Object Model é uma interface de programação para documentos XML.

DOM define a forma de como um documento XML pode ser acedido e manipulado.

O objectivo é estabelecer uma interface de programação standard, para uma larga variedade de programas. DOM foi concebido para ser usado por qualquer linguagem de programação, bem como por qualquer sistema operativo.

Utilizando o DOM, um programador pode criar um documento XML, navegar através da sua estrutura, e adicionar, modificar ou apagar os seus elementos.

···4 S.O.S. DOM

 

5
6

Ferramentas:

Câmara fotográfica digital Canon
 IXUS 30 — A câmara fotográfica digital para todas as ocasiões. Onde comprar?  >> www.ifoto.com.pt

Editores:

NoteTab
NoteTab — O editor de HTML que uso. Podes fazer o "download". É o melhor e é de borla!

IrfanView
IrfanView — Para editar imagens e muito mais... Imbatível! Também é de borla!

MsPaint
MsPaint — Trata-se do Paint do Windows! Vem incluido no próprio sistema operativo.

Para criar um "Site":

Prof2000
Prof2000.pt — Se és professor(a) podes utilizar este servidor. Em alternativa...

Clix
PlanetaClix — É o servidor onde estão os "AeroPlanos". Quanto custa? Zero! É uma boa alternativa!.

FTPcommander
FTPcommander — Simples e eficiente "File Transfer Protocol". Claro que é de borla!

Verificar / Validar...

Link-check by XENU !
 Xenu's Link Sleuth — Checks Web sites for broken links.

Valid HTML 4.01!
 W3C MarkUp Validation Service — A free service that checks documents like HTML and XHTML for conformance to W3C Recommendations and other standards.

 

5

Agradecimentos:

Boas Festas

— Thanks Dave Raggett!
— Obrigado também à minha mulher que tem muita paciência para me aturar!

— Agradeço também as críticas, principalmente as mais desfavoraveis.

Envia-me também os teus comentários, dúvidas ou sugestões. São os elementos que me permitirão melhorar os "AeroPlanos".
Se esta publicação te foi útil, gostaria que mo comunicasses. É o incentivo para continuar.
Obrigado pela visita.
Diverte-te e... boas aterragens!

Mário  @ mail.telepac.pt

P.S.
Prometo responder a todos individualmente. Ladies first!